ENTIDADES ESTUDAM DERRUBADA DE LIMINAR.

27/09/2013 09:14

DOM, 27/09/2013.

O prefeito Marcio Lacerda recebeu ontem, na sede da Prefeitura, no Centro, representantes de diversas entidades de classes e associações de moradores de bairros que demonstraram preocupação com o aumento do comércio informal de camelôs e ambulantes na região Centro-Sul da cidade. Durante a reunião, o prefeito salientou que irá intensificar a atuação dos agentes fiscais para que o comércio irregular seja totalmente coibido, uma vez que desrespeita o Código de Posturas, prejudica a atividade comercial e a circulação de pedestres na cidade. Na ocasião, as entidades se comprometeram a divulgar um manifesto de apoio às ações da Prefeitura.

Estavam presentes ao encontro representantes da Câmara de Dirigente Lojistas (CDL), da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Minas Gerais (Fecomércio-MG), da Polícia Militar, da Polícia Civil, da Associação Comercial e Empresarial de Minas (Acminas), da Associação dos Comerciantes do HiperCentro e de associações de moradores dos bairros Savassi e Lourdes, além de secretários municipais.